Os benefícios do chocolate para a nossa saúde

Os benefícios do chocolate para a nossa saúde

Grupo PSN
Grupo PSN

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Certamente que conhece o livro “Charlie e a Fábrica de Chocolate”, ou talvez já tenha assistido ao famoso filme que se baseou nesta história, realizado por Tim Burton. O livro infantil foi escrito em 1964 pelo britânico Roald Dahl, que nasceu a 13 de setembro de 1916. Assim, em homenagem ao escritor, vários lugares no mundo celebram o Dia Internacional do Chocolate.
Podemos dizer que o chocolate é um dos doces favoritos mais comuns para quase todas as pessoas, tanto para crianças, como para adultos e pessoas idosas. Também ouvimos falar em diversas propriedades do chocolate que são benéficas para a saúde: antioxidante, anti-stress, benéfico para o coração… Mas, no meio de tudo isto, o que é que é verdade?
O chocolate e as calorias

Em determinadas dietas é permitido (inclusive até recomendado) recorrer ao efeito saciante do chocolate. Mas, para que nos sintamos satisfeitos, devemos optar pelo chocolate puro, que é rico em fibra. Uma pequena quantidade, como alguns quadradinhos de chocolate ou um bombom de chocolate, vai ajudar-nos a evitar o abuso de outros alimentos mais calóricos. No entanto, como acontece com quase todos os alimentos, o chocolate, quando consumido de forma excessiva, também pode ser prejudicial.
Para calcular as quantidades, devemos ter em consideração que, aproximadamente 100 gramas de chocolate equivalem a cerca de 500 calorias. Normalmente, nestes casos, referimo-nos a um adulto saudável que consome cerca de 2.000 calorias por dia e, portanto, esta quantidade de chocolate seria equivalente a um quarto da sua ingestão diária. Neste sentido, é recomendado um consumo moderado de pequenas quantidades, entre 7 a 20 gramas.
A quantidade de chocolate consumido pode influenciar? E a qualidade?
Antes de analisar a composição do chocolate e o efeito das suas propriedades na nossa saúde, devemos ter atenção ao facto de que o chocolate não é exatamente o mesmo nos produtos derivados e que definimos como chocolates.
Em relação ao chocolate, quanto maior for a quantidade de cacau, mais saudável este será. A principal razão está nos flavonóides que constituem o cacau. Esta substância faz aumentar os vasos sanguíneos, reduzindo a pressão sanguínea. Além disso, o cacau é rico em magnésio, ferro e cálcio, entre outras vitaminas.
Portanto, quanto menos quantidade de cacau estiver presente no chocolate, menos vão ser os benefícios para a nossa saúde. Por exemplo, o chocolate de leite tem menos flavonóides na sua composição, uma vez que contém apenas 25% de cacau, em comparação com o “chocolate amargo”, que pode conter até 90% de cacau. Além destes, existe também o “chocolate branco” que não contém nenhuma percentagem de cacau, apenas manteiga de cacau, que é basicamente gordura de cacau.

O chocolate é bom para a saúde?
Diversas pesquisas têm relacionado o consumo de pequenas quantidades de chocolate com vários fatores de risco cardiovascular. Mais concretamente, um estudo da Universidade Harvard concluiu que comer chocolate reduz o risco da doença cardiovascular em 57%.
E é importante referir, novamente, a presença dos flavonóides no cacau. Por um lado, por se tratar de um antioxidante vegetal que, entre outros efeitos, é capaz de agir sobre a inflamação e sobre o sistema imunológico; Por outro lado, os flavonóides presentes no cacau contribuem para uma melhor oxigenação no cérebro e ajudam a melhorar a função cognitiva.
O chocolate está relacionado com a nossa saúde mental, especificamente porque é um antidepressivo natural. Se for consumido de forma moderada, o chocolate pode reduzir os níveis de stress e proporcionar uma sensação de bem estar, principalmente devido à presença de serotonina no cacau.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Deixar uma resposta

Gostaríamos de conhecer a sua opinião, mas alertamos que os comentários são moderados e não aparecem imediatamente na página, quando são enviados.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

*

X

Uso de Cookies

Este site utiliza cookies para facilitar e melhorar a sua navegação. Pode configurar o navegador para recusar os cookies. Se continuar a navegar consideramos que consente a sua utilização. Se pretende saber mais sobre os cookies utilizados. Pode consultar a nossa Política de Cookies.